Início > Formula1 > Malásia: Corrida (R)

Malásia: Corrida (R)

P Piloto Equipe Laps Tempo/NC Grid Pts
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 56 1:33:48.412 3 25
2 6 Mark Webber RBR-Renault 56 +4.8 secs 1 18
3 4 Nico Rosberg Mercedes GP 56 +13.5 secs 2 15
4 11 Robert Kubica Renault 56 +18.5 secs 6 12
5 14 Adrian Sutil F. India-Merc 56 +21.0 secs 4 10
6 2 Lewis Hamilton McLaren-Merc 56 +23.4 secs 20 8
7 7 Felipe Massa Ferrari 56 +27.0 secs 21 6
8 1 Jenson Button McLaren-Merc 56 +37.9 secs 17 4
9 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 56 +70.6 secs 14 2
10 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosw 56 +73.3 secs 5 1
11 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 56 +78.9 secs 13
12 9 Rubens Barrichello Williams-Cosw 55 +1 Lap 7
13 8 Fernando Alonso Ferrari 54 +2 Laps 19
14 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosw 53 +3 Laps 24
15 20 Karun Chandhok HRT-Cosworth 53 +3 Laps 22
16 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 52 +4 Laps 23
17 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 51 +5 Laps 18
Ret 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 46 +10 Laps 15
Ret 12 Vitaly Petrov Renault 32 +24 Laps 11
Ret 15 Vitantonio Liuzzi F. India-Merc 12 +44 Laps 10
Ret 3 Michael Schumacher Mercedes GP 9 +47 Laps 8
Ret 23 Kamui Kobayashi Sauber-Ferrari 8 +48 Laps 9
Ret 24 Timo Glock Virgin-Cosw 2 +54 Laps 16
Ret 22 Pedro de la Rosa Sauber-Ferrari 0 + 56 laps 12

Vettel pula na ponta e leva tranqüilamente sua Red Bull à vitória, merecida em função das corridas anteriores. A bela largada garantiu o 1-2 da equipe, Webber parecia ter velocidade para disputar a liderança, mas Vettel seguidamente “respondia” a cada volta veloz do australiano.

Rosberg soube ser rápido sem se arriscar, o que vem sendo sua estratégia desde o início da temporada.
Kubica e mais uma bela corrida.
Sutil manda embora a melhor eficiência de Liuzzi, que teve problemas com o carro. Ótimo 5° lugar.
A corrida dos que largaram atrás foi muito boa, exceto por Button que decidiu largar de pneus macios, todos os outros tiveram brilho.
Alonso lutou contra seu carro, com problemas no câmbio, boa corrida, mas esquentou demais seu motor andando atrás de Button.
Hamilton foi avassalador no começo da corrida, ultrapassagens e mais ultrapassagens. Uma grande corrida até que ficou preso atrás de Sutil, até o fim da corrida.
Massa não parecia muito rápido no começo da corrida, sem a mesma facilidade de Hamilton em ultrapassar os adversários. Assim que colocou os pneus macios, começou a andar muito rápido, comprovando o potencial da Ferrari.
Alguersuari surpreendeu ao terminar à frente de Buemi, a Torro Rosso certamente demonstrou seu potencial nesta corrida.
Hülkenberg terminou o fim de semana assim como começou, à frente de Barrichello.
Menção honrosa a Lucas di Grassi, o melhor colocado da “little league”.
A Hispania surpreendeu ao completar a corrida com ambos seus carros, Chandhok muito à frente de Senna, algo não esperado.
A Lotus, com problemas, acabou nas 2 últimas posições, mas pelo menos terminou.
Assista ao “forum” da BBC após a corrida.
Trasmissão da BBC da corrida.

Christian Horner

Antes da largada ele disse: “Garotos, se comportem”. E foi assim que a Red Bull conseguiu seu primeiro 1-2 do ano. Nota 10.

Barrichello
Ficou parado na largada (embragem superaqueceu) e teve que correr atrás do resultado. Enquanto ele reclama do carro, Hülkenberg já começa a marcar pontos…Nota 3.

Sutil

Perdeu uma posição na largada, para Kubica. Ao tentar ultrapassar Rosberg na curva 1, o polonês conseguiu superá-lo na 2.

Manteve-se rápido até o pit stop na volta 20. Conseguiu segurar Hamilton da volta 33 até o fim. Nota 7,5.

Kubica

Passou Hülkenberg na largada e Sutil na segunda curva. Conseguiu abrir 5,7 secs para Sutil antes da sua parada, na volta 21.

Depois do pit, se manteve em média 4 segundos à frente de Sutil. Mesma vantagem que Rosberg tinha para ele.

Mais uma corrida sólida do polonês, mais um belo resultado para a Renault. Nota 8,5.

Vettel

Excelente largada, conseguiu evitar que as rodas girassem em falso e mergulhou por dentro de Webber, que por algum motivo deixou “a porta aberta”. A partir dai o único trabalho que teve foi abrir vantagem para o 3º colocado sem desgaste excessivo dos pneus.

Andou muito rápido na sua volta de retorno à pista, após seu pit na volta 23, para garantir que ficaria à frente de Webber. Um erro da equipe na troca de pneus do australiano ajudou a garantir a primeira colocação de Vettel. Nota 9 de 9.

Hamilton

Ótima largada, conseguiu ultrapassar seu companheiro já na primeira volta, sua primeira vitória do dia. Pulou de P20 para P13 na primeira volta.

Na segunda volta , passou Buemi por fora na curva 5, Hamilton Style. P12

Terceira volta, passou Alguersuari na reta, nem esperou a curva 1. P11

Volta 4, passa Kobayasi na seqüência da curva 1, onde acabou levando um “x” do japa doido. P10.

Volta 5, na última curva, a 15, aproveitou-se de um erro de Petrov para ultrapassá-lo. Mas levou o troco na curva seguinte.

Volta 7, Petrov atrasa a freada e Hamilton consegue ultrapassar por dentro na curva 15. Então começa a famosa dança de Hamilton e Petrov que gerou discussões, aqui por exemplo. P9.

Andou rápido até ficar preso atrás de Sutil, que mantinha um rítmo 2 segundos mais lento que o inglês. Nota 9.

Kovalainen

Tem o pneu furado na volta 12, após tentar ultrapassar Di Grassi sem sucesso. O brasileiro perde um pequeno apêndice lateral da asa dianteira.

Hülkenberg

Perdeu duas posições na largada e se manteve em P7 até seu pit stop na volta 14.

Petrov

Na volta 5, errou na curva 15, perdendo a posição par aHamilton, mas retomou-a na curva seguinte.

Volta 7, Petrov atrasa a freada e Hamilton consegue ultrapassar por dentro na curva 15. Então o Russo persegue Hamilton pela reta, que faz zig-zag para evitar a utilização do vácuo por parte do piloto da Renault.

Vem fazendo boas corridas, mas seu companheiro está muito melhor.

Abandonou na volta 34, por problemas no carro.

Schumacher

Ganhou as posições das 2 Williams na largada (P6). Seguiu até a volta 9 apenas para ter problemas no eixo traseiro esquerdo. Nota 3,5 de 4.

Alguersuari

De P14 para P11 na largada. Foi ultrapassado por Hamilton na 3ª volta no meio da reta.

Segurou a Ferrari de Massa da volta 14 até a 19.

Fez uma bela ultrapassagem sobre Hülkenberg na seqüência das curvas 4, 5 e 6.

Estando sempre à frente de seu companheiro, Buemi. Fez uma corrida acima das espectativas, marcando seus primeiros 2 pontos na categoria. Nota 7,5.

Button

Ganhou 2 posições na primeira volta e foi ultrapassado por Alonso na segunda, pouco para o atual campeão mundial (pneus macios).

Volta 9, consegue ultrapassar Alonso na curva 1, manobra limpa.

Parou para colocar pneus duros na volta 9, na esperança de não perder tempo com carros lentos a sua frente. Considerando que perto do final da corrida ele estava à frente de Alonso, não foi uma estratégia tão ruim.

Foi ultrapassado por Massa na volta 44, quando seus pneus já estavam bastante desgastados. Nota 6.

Massa

Ótima largada, conseguiu ultrapassar seu companheiro já na primeira volta, sua primeira vitória do dia. Pulou de P21 para P14 na primeira volta.

Na volta 2, cometeu um erro ao tentar se aproximar de Buemi, defendeu-se de Button, o que gerou a ultrapassagem de Alonso sobre o atual campeão mundial.

Parou para colocar pneu macios antes de Alonso e se beneficiou disto para fazer voltas muito rápidas, impedindo que o espanhol o ultrapassasse.

Ficou preso atrás de Button até a volta 44, quando conseguiu ultrapassar o inglês depois da reta dos boxes. Algo considerável devido ao motor e aerodinâmica favorável da McLaren. Nota 8,5.

Liuzzi

Largou em P10, passou Kobayashi e Barrichello na largada.

Mais uma vez, sendo superado por Sutil no qualifying, seguia o mesmo caminho até abandonar a corrida na volta 12. Nota 2,5 de 5.

Alonso

Largada boa, mas perdeu posição tanto para Hamilton como Massa. Largou em P19 e completou a primeira volta em P16. Ultrapassou Button na volta seguinte.

Passou Button na volta 2 graças a um erro de Massa.

Foi o último a trocar pneus, na volta 36. Antes, virava em 1:39.6, mas com os pneus macios, começou a virar 1:37.6, encostando em seu companheiro de equipe, que logo depois passou Button.

Perseguindo Button da volta 44 em diante. Tentou uma ultrapassagem na curva 1 por fora, na volta 46, sem sucesso.

Na volta 55, a tentativa fatal de Alonso. Coloca por dentro na curva 1, mas leva o ‘X’ e seu motor quebra.

Considerando que tudo isso foi feito com problemas para reduzir marchas, esta foi a corrida mais difícil de Alonso até então. Nota 9 de 8. Foi além do limite do carro.

Di Grassi

Uma corrida consistente, desde o começo com rítmo bom para seu carro, foi o líder das novatas durane toda a prova. No final, ainda teve que reduzir seu rítmo de 1:46 para 1:50, visando ter combustível suficiente para completar a corrida. Deu certo. Nota 6,5.

A chuva

Todo mundo esperava, mas ela não veio. A corrida não foi entediante, bem pelo contrário, e pelo menos agora temos uma evidência de que é possível termos corridas movimentadas mesmo sem chuva. Falta agora uma boa corrida sem chuva e sem os “cachorros grandes” largando no fim do grid.

O calor

Alta temperatura aliada à alta umidade causam uma sensação de calor intenso nos pilotos. Nessa corrida foi importante saber administrar a quantidade de líquido que cada piloto carregava em suas “garrafinhas”.

Vettel chegou a declarar, depois da corrida: “Em certo ponto da prova eu comecei a torcer por chuva, só pra aliviar um pouco o calor”

Red Bull e a Fastest Lap

Volta 53 de 56, Vettel e Webber com tudo encaminhado para o primeiro 1-2 da Red Bull na temporada, decidem “brincar de volta mais rápida”. Vettel faz 1:37.813 ao invés do 1:38.5 que estava fazendo até então. Webber, com menos a perder, sai da casa do 1:39.0 para fazer 1:37.054, a melhor volta da corrida. Disputa no melhor estilo Raikkonen Vs. Massa.

Os Nicos

Os Nicos vão bem, obrigado. Não que eu tenha algo a ver com isso, mas foram minha aposta no início da temporada.

O Rosberg vem mostrando aquilo que a maioria julgava improvável, está sempre à frente de Schumacher. Muito veloz, mas pouco agressivo, está longe de ser um piloto completo, mas longe também de ser um piloto lento.

O Hülkenberg tem missão tão complicada quanto Rosberg. Não estou comparando Barrichello com Schumacher, mas o “Hulk” é apenas um novato. E superar o piloto mais experiente de grid não é pra qualquer um. Foi só uma corrida, mas o impressionante foi na classificação, ou alguém esperava que o Rubinho fosse superado na chuva por um novato?  (fiquei sabendo que o Rubens foi atrapalhado na sua volta rápida pelo Schumacher)

Lotus em casa

Como uma equipe de capital malaio, mas sediadana inglaterra, a Lotus se sentiu em casa na Malásia. Trulli e Kovalainen participaram de vários eventos de marketing, o que pode ter resultado em excesso de ânimo, ou distração que se viu durante a corrida.

De qualquer maneira, esperamos que a bandeira da Malásia traga sorte e dinheiro. Será que continuarão a usá-la na seqüência do campeonato?

A última Virgin

A última Virgin é a do Glock. Agora que Lucas di Grassi completou uma prova, todas as equipes já completaram um GP com pelo menos 1 carro. Ainda falta Glock levar sua Virgin até a linha de chegada.

Schumacher X Ronaldo

Só uma comparação que me veio à cabeça. Os 2 foram considerados os melhores por um bom tempo, hoje voltaram ao seu esporte depois de um tempo parado, longe da forma de seu auge.

Assim como o que aconteceu com Rubinho, não esperava que Schumacher fosse superado na chuva por um Nico. Os fãs e a imprensa esperam pra próxima corrida um desempenho semelhante ou melhor do que de Rosberg, a paciência vai se esgotando.

Será que ele cumprirá os 3 anos de contrato?

Ferrari, Red Bull ou McLaren?

A Ferrari pareceu lenta com pneus duros, mas assim que mudou para o composto mais macio, voou na pista. Primeiro com Massa e depois com Alonso. A aerodinâmica muito “fechada” da equipe de Maranello vem causando problemas no sistema de arrefecimento do motor, nem mesmo as saídas de ar “extra” para esta corrida garantiram que o motor do carro 8 resistisse até o fim.

A McLaren provou que não prova nada. Hamilton fez outra corrida a seu estilo, espetacular. Button fez a seu estilo também, discreta. O “aspirador de pó” da equipe de Woking não foi suficiente para Button impedir a ultrapassagem de Massa na reta, nem para Hamilton evitar a do Petrov. A melhor volta de Hamilton foi 0.5 pior que a de Alonso e 0.7 pior que Webber.

A equipe dos energéticos provou que a Mercedes não está a seu nível. Sem Hamilton ou Alonso por perto, Webber e Vettel tiveram suas corridas resumidas à largada, melhor para o alemão. Puderam poupar seus motores e retomam o favoritismo na corrida chinesa. Problema de confiabilidade dessa vez foi coisa de Ferrari (e Mercedes).

Confiabilidade da Red Bull

Muito se falou sobre a falta de confiabilidade dos touros vermelhos, mas será que corretamente?

Uma análise mais fria mostra que Webber participou das 3 provas sem nenhum problema mecânico. Vettel completou 2, mas teve problemas em 2 também. Mais que isso, os problemas de Vettel não parecem ser crônicos, diferente da Ferrari, por exemplo. Em termos de abandono devido ao equipamento, Ferrari, Red Bull e Mercedes estão empatadas.

O maior problema na F1 é não ser rápido, e esse problema eles não tem. Como diz David Coulthard:  “é melhor ter um carro rápido com problemas de confiabilidade do que um carro lento que nunca quebre”

“Adrian (Newey) não projeta plug de vela nem miolo de roda”  – Christian Horner

Luscious Liz ou…..?

Pelo que o RB6 mostrou até agora, será que não poderíamos chamá-lo de “Red 5” Bull? A vantagem da Red Bull com certeza não será tão grande como foi daquela Williams, mas pode virar o “sucessor” pelas coincidências.


Classificação de pilotos:

Pos Piloto Nacionalidade Equipe Pontos
1 Felipe Massa Brasileiro Ferrari 39
2 Fernando Alonso Espanhol Ferrari 37
3 Sebastian Vettel Alemão RBR-Renault 37
4 Jenson Button Britânico McLaren-Mercedes 35
5 Nico Rosberg Alemão Mercedes GP 35
6 Lewis Hamilton Britânico McLaren-Mercedes 31
7 Robert Kubica Polonês Renault 30
8 Mark Webber Australiano RBR-Renault 24
9 Adrian Sutil Alemão Force India-Mercedes 10
10 Michael Schumacher Alemão Mercedes GP 9
11 Vitantonio Liuzzi Italiano Force India-Mercedes 8
12 Rubens Barrichello Brasileiro Williams-Cosworth 5
13 Jaime Alguersuari Espanhol STR-Ferrari 2
14 Nico Hulkenberg Alemão Williams-Cosworth 1
15 Sebastien Buemi Suiço STR-Ferrari 0
16 Pedro de la Rosa Espanhol BMW Sauber-Ferrari 0
17 Heikki Kovalainen Finalandês Lotus-Cosworth 0
18 Karun Chandhok Indiano HRT-Cosworth 0
19 Lucas di Grassi Brasileiro Virgin-Cosworth 0
20 Bruno Senna Brasileiro HRT-Cosworth 0
21 Jarno Trulli Italiano Lotus-Cosworth 0
22 Timo Glock Alemão Virgin-Cosworth 0
23 Vitaly Petrov Russo Renault 0
24 Kamui Kobayashi Japonês BMW Sauber-Ferrari 0

Classificação por equipes:

Pos Equipe Pontos
1 Ferrari 76
2 McLaren-Mercedes 66
3 RBR-Renault 61
4 Mercedes GP 44
5 Renault 30
6 Force India-Mercedes 18
7 Williams-Cosworth 6
8 STR-Ferrari 2
9 BMW Sauber-Ferrari 0
10 Lotus-Cosworth 0
11 HRT-Cosworth 0
12 Virgin-Cosworth 0
  1. Luiz Sergio
    08/04/2010 às 11:36

    Dirigente da Williams elogia Rubinho: ‘Ele é melhor do que vários campeões da F-1’
    Para Sam Michael, piloto é um dos mais completos com quem já trabalhou.

    Sam Michael, diretor-tecnico da Williams, se desmanchou em elogios a Rubens Barrichello após o GP da Malásia. Segundo o dirigente, o brasileiro, de 37 anos, está sendo uma surpresa positiva para a equipe, graças à experiência e à qualidade de seu conhecimento técnico. O australiano disse que as informações do piloto já ajudaram a melhorar o carro deste ano.

    Rubens Barrichello conversa com Sam Michael, diretor-técnico da Williams, em um dos treinos deste ano
    – Barrichello é tão bom, que nos perguntamos: “como este cara nunca se tornou um campeão do mundo?” Ele é melhor do que vários pilotos que ganharam títulos. Sempre temos uma fase de lua-de-mel, mas até agora é uma parceria perfeita. Tenho de dizer que Barrichello é um dos melhores pilotos com quem já trabalhei. Ele tem grande importância no desenvolvimento do FW32 – diz Michael.

    Para o dirigente, Barrichello trabalha em um nível mais alto que qualquer piloto que já tenha passado pela Williams desde que chegou à equipe, em 2001. Sam Michael diz que Frank Williams e Patrick Head, chefes do time, compartilham da mesma opinião.

    – É maravilhoso. Para ser honesto, nunca trabalhei com alguem tão bom quanto ele desde Heinz-Harald Frentzen e Damon Hill na Jordan, há 12 anos. Foi a última vez com que trabalhei com pessoas do calibre de Barrichello. Ele realmente é muito impressionante. Pensávamos que ele seria bom, mas ele excedeu nossas expectativas. E isto serve para todas as pessoas do time, até Patrick Head e Frank Williams. Ele está em um nível realmente especial.

    Michael diz também que o brasileiro tem ajudado muito seu companheiro de equipe, o alemão Nico Hulkenberg. Ele estreia na F-1 nesta temporada e tem aproveitado a experiência do brasileiro.

    – Ele tem muita experiência e isso ajuda o Nico (Hulkenberg, companheiro de Barrichello). Além disso, tem um conhecimento enorme: para cada dois testes de mudança de cambagem que Nico fez, Rubens já fez 100.

    • KBK
      08/04/2010 às 13:09

      Bacana os comentários sobre o Rubinho. Conhecimento técnico com certeza ele tem além da média. Alguns me surpreenderam. Fiquemos na torcida para que eles consigam melhorar “a porcaria” do carro.

  2. 08/04/2010 às 0:08

    o KBK manda super bem.
    podem acreditar que o Fastest Lap vai ser um grande blog- e concorrente do meu e do F1 Around! rsrsr

    abraços a todos, que já conheço muito bem, hehe

    Tomás

  3. Luiz Sergio
    07/04/2010 às 10:28

    KBK, gosto de sua avaliações, só que é muito duro, dar notas abaixo de 7 é para pilotos que não poderiam estar em um F1.
    Você foi professor carrasco????

    • Vito
      07/04/2010 às 17:11

      Luiz Sergio, gosto das avaliações do KBK JUSTAMENTE por causa disso🙂
      O Barrichello é um piloto nota 8, na média de todas as corridas, por isso merece estar na F1… mas nesta corrida foi 3! Quando venceu a 1a vez na Alemanha com pneu seco na chuva foi nota 10, com estrelinha no canto da prova e elogio do professor.
      O Sutil, pelo que já mostrou na F1, é 7. Mas levou um 7,5 pela corrida. Acho que tem potencial para ir mais longe.

      P.S. Sou professor… de CALCULO! Mas não sou carrasco… apesar do que os alunos dizem🙂

      • Luiz Sergio
        07/04/2010 às 19:06

        Vito,
        ok cada um tem um jeito de ver a vida, amarga para uns e doce para outros, passando pelo mesmo problema.
        Vejo também que tem pesos diferentes, para cada piloto!

    • KBK
      08/04/2010 às 0:24

      Luiz, eu dou as notas “baixas” porque, na minha concepção, estamos falando dos 24 melhores pilotos do mundo. Teoricamente pelo menos.
      Ou seja,uma nota 3 vale na F1 mais que uma nota 7 na Indy, mais que uma 8 no DTM por exemplo.

      Acho que realmente não consigo avaliar todos sem ser tendencioso.
      Avalio difernte novatos de veteranos também.
      E uma corrida que seria nota 6 pro Alguersuari é nota 3 pro Hamilton. =)

      Nunca fui professor não…eheh…mas acho que não seria tão duro com os alunos. Abraço!

      • Luiz Sergio
        08/04/2010 às 2:17

        KBK,
        pelo menos consegui compreender sua visão na avaliação.
        Muito obrigado, estarei acompanhando sempre o seu blog.

  4. Luiz Sergio
    07/04/2010 às 10:21

    KBK,
    voltou a se falar que mesmo na nova contagem de pontos, a regularidade ainda leva vantagem, tanto é que o lider é o nosso brasileiro Felipe Massa, sem vitórias.
    Houve um tempo onde tinha a maravilha do descarte, o piloto podia arriscar mais e não seria penalizado nos pontos, no primeiro título do Senna, ele arriscava mais e foi campeão por causa dos descartes.
    Os pilotos burocráticos não levavam vantagem.
    Não podemos deixar de premiar aqueles pilotos que se arriscam bem mais.
    ATENÇÃO: NÃO É DEIXAR DE PUNIR UM PILOTO QUE FEZ TRAPAÇA PARA NÃO SER SUPERADO.
    Já imaginou um piloto sabendo que tem três ou quatro corridas para serem descartadas, o que se piloto poderia arriscar?
    As corridas seriam emoção pura, sem aquela idéia do campeão ser somente pelo números de vitória.

    • KBK
      08/04/2010 às 0:11

      Sempre dediquei atenção ao sistema de pontuação, Luiz. E eu realmente gostei do atual.
      Esse sistema atual valoriza a vitória, e somente a vitória. Do 2º colocado em diante vale realmente a regularidade. Por exemplo, se o Vettel tivesse vencido as 3 corridas, teria 75 pontos, muito mais do que o Massa tem.

      A conta que eu faço é simples, supondo que 1 equipe é imensamente superior ao resto, e dentro dela, o piloto A é muito superior ao piloto B. Em condições normais o piloto A sempre fica em primeiro e o piloto B sempre em segundo. Agora vem a pergunta chave:
      Se o piloto A tem problemas mecânicos em uma corrida, em quantas corridas ele consegue alcançar o piloto B?
      No sistema atual, o piloto B abre 25 pontos com a quebra do A.
      A diferença da pontuação do 1º para o 2º é 7. Ou seja, em 4 corridas o piloto A já vai ter superado o B por 3 pontos.

      No sistema antigo (10-8), o piloto A levaria 5 corrida para somente empatar o campeonato.
      Sistema 10-6 em 3 corridas o piloto A já teria superado o B.
      Sistema 9-6 em 3 corridas já haveria um empate.

      Por essa comparação, vejo o sistema atual como “uma média” de todos até então. Além disso, distribue pontos até o 10º colocado, o que me parece uma necessidade na F1 comercial de hoje.

      Sempre gostei também dos descartes, mas sempre que citei a idéia ouvi caracterizarem como “antiga e ultrapassada”…mas quem sabe no futuro, já que existe essa busca pela agressividade.

  5. Marco
    06/04/2010 às 10:47

    KBK e amigos .
    Claro que não vamos encontrar nada dessa mentira Chamada Hispania .
    Claro que ainda não mostraram tudo da sua incapacidade , tem que ser muito bom para achar algo de bom nessa equipe .

    • KBK
      06/04/2010 às 23:07

      Vou escrever essa semana um pouco sobre a decepção que é o projeto da Dallara. De bom, só o sobrenome de um dos pilotos.

      • Marco
        07/04/2010 às 0:01

        Boa , estamos aguardando , já te adianto que vai ser um sucesso , pode acreditar .

  6. Vito
    06/04/2010 às 0:14

    KBK,
    A corrida foi excelente, com tantos pontos interessantes que alguns ficaram de lado. Falou-se muito do combate LewisXPetrov e AlonsoXButton. Mas poucos falaram da constância de Rosberg, do Rubinho mandando mal na largada e do Sutil surpreendendo.
    Procurei no Die Welt (uma publicação alemão bastante respeitada) algo sobre o Sutil, e olha o que achei:

    Respekt für das deutsche Crashkid Adrian Sutil (Respeito ao “garoto acidentes” alemão Adrian Sutil)

    Kennen Sie Adrian Sutil? Nein? So geht es vielen Menschen auf Deutschlands Straßen, die nicht eingefleischte Motorsportfans sind.
    (Conhece o Adrian Sutil? Não? Assim também acontece com muitas pessoas nas ruas da Alemanha que não são maníacos por automobilismo)

    Caraco, que maldade!!!:) Tudo bem, depois eles fazem alguns elogios, mas não esperava por esse vindo de um site alemão.

    P.S. Curiosidade: o pai dele é uruguaio e foi violonista da orquestra filarmonica de Munique.

  7. KBK
    05/04/2010 às 21:26

    Um post sobre a Hispania….hmmm
    Acho que eles ainda não mostraram tudo o que são capazes, prefiro esperar um pouco. Esperar eles obterem alguma constância nas corridas, ainda é um pouco cedo pra tirar qualquer conclusão.
    A Lotus, por exemplo, tem pessoal com experiência muito maior dentro da F1 que Hispania e Virgin.
    A Hispania reclama da Dallara sobre o chassi problemático, de baixa tecnologia. E o problema é que eles não tem grande apoio financeiro, diferente da Virgin e do capital malaio da Lotus.
    Bruno Senna e Chandhok são inexperientes e não creio que tenham vocação necessária para desenvolver um F1. Tenho sérias duvidas quanto à capacidade do Bruno no fator feedback e desenvolvimento.

    Vou guardar a idéia com carinho, e talvez solicitar a contribuição do nosso amigo Vito. O que acha Vito?

    Um grande abraço a vocês e não esqueçam, MotoGP começa nesse fim de semana!
    GP noturno no Qatar, no circuito que a Formula1 deve correr no futuro.

    • Vito
      05/04/2010 às 22:59

      Nossa, que honra! Contribuirei com maior prazer.
      Mas também acho que existe muito pouca informação sobre estas equipes. Temos que esperar mais corridas para a análise ser baseada em dados, não em suposições no estilo Galvão Bueno.

  8. 05/04/2010 às 19:32

    xii, o link foi errado.
    aqui esta ele certo:
    http://theformula1.wordpress.com/

    KBK, manda o post da Hispania!

    • Vito
      05/04/2010 às 22:54

      Já passou a fazer parte dos meus Favoritos quando li “Afinal, porque Barrichelo costuma ficar parado em largadas?”
      Hahahaha…

    • Marco
      06/04/2010 às 18:46

      Já está recomendado !

  9. 05/04/2010 às 19:30

    ““um post bem bonito dessa tal de … como é que é … Hispania ”
    rs…”

    Também quero ver!
    hehe.
    aliás convido o nosso amigo Vito para dar suas caras aqui (http://theformula1.wordpress.com/), Acho que o Marco recomenda! hahah

    um abraço a todos!

  10. Vito
    05/04/2010 às 15:17

    “um post bem bonito dessa tal de … como é que é … Hispania ”
    rs…
    Sou fã do lado B do esporte. Acompanho a 4a divisão do Brasileiro de futebol, e tenho um certo apreço pela Hispania.
    Coisa que tenho dúvida sobre as equipes pequenas: quanto os pilotos ganham (ou pagam), qual a duração do contrato, qual o orçamento de cada uma.

    • KBK
      05/04/2010 às 21:28

      Caramba hein! 4ª divisão não é pra qualquer um.

  11. Marco
    04/04/2010 às 23:00

    Finalmente se fez justiça : Vettel fez as pazes com a vitória .
    O campeonato está bom , três corridas , três vencedores diferentes .
    Em termos de corrida , ainda continua uma merda , exceto as corridas do Hamilton , Massa , Alonso , até mesmo de um tal de Jaime .
    Esse Russo é bom heim !?
    KBK , tô louco que você um dia faça um post bem bonito dessa tal de … como é que é … Hispania ? é esse o nome né ?

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s